Nós recomendamos:
Comece agora mesmo, é fácil!

Resenha Google Sites

Simplesmente não seria o Google se ele não tivesse seu próprio criador de website. Parece que essa corporação oferece qualquer tipo de serviço que você precisa.

Para aqueles que não estão familiarizado com o Google Sites, ele é a reencarnação do Jotspot, que foi adquirido pelo Google lá em 2006. Hoje, o criador de sites do Google não se parece em nada com o Jotspot, além do fato de que ambos são sistemas wiki hospedados que permitem criação de conteúdo colaborativo, modificação e extensão.

O Google Sites se tornou rapidamente uma plataforma popular para criar intranets e sites escolares, e até uma olhada casual mostra que o construtor fez algumas melhorias desde a nossa última resenha do Google Sites a cerca de um ano atrás.

O Sistema é indubitavelmente uma ótima solução para uma intranet corporativa, mas ele é adequado para criar um website de negócios? Nós decidimos colocar o Google Sites à prova mais uma vez para responder a esta pergunta.

Em junho de 2017 o Google anunciou Websites com o Google Meu Negócio – um serviço separado dentro da seção empresas, que permite criar um website gratuito para a companhia, registrada no Google Meu Negócio. A partir de agora usuários de empresas podem criar um website da companhia dentro de sua conta Google. Nada de especial, a interface é quase a mesma do clássico Google Sites. Está versão carece da maior parte das ferramentas úteis de negócio, comparando, por exemplo, com o uKit – um construtor de websites especializado em negócios.

Nota: Há uma Nova Versão do Google Sites disponível para usuários de Chrome e Firefox. A principal diferença entre as versões está basicamente no design, nada mais. Então, vamos descobrir o Google Sites!

1. Fácil de Usar

Se você tem um Gmail ou qualquer outra conta Google, você pode pular o estágio da inscrição – o criador está disponível para qualquer conta existente. Uma vez que você estiver no painel, você tem uma escolha de modelos: NGO, Igreja, Restaurante, Clube ao ar livre, Time de futebol, Sala de aula e mais. Falando francamente, muitos dos modelos parecem sem inspiração. Por sorte, há alguns novos temas que têm aquele visual e ar moderno. Para o nosso teste nós escolhemos o tema negócios.

Gogle Sites Editor

Quando você tiver terminado com as configurações básicas, você pode começar a realmente customizar e construir o seu website num ambiente de edição WYSIWYG. Embora você vá ser capaz de acrescentar, editar e remover imagens, copiar e vários widgets, muito da página não será editável, especialmente as configurações de design do seu site.

No geral, é bastante fácil de usar e não requer nenhuma habilidade especial. O construtor tem um visual e um ar da maioria dos aplicativos Google, tornando a interface familiar e intuitiva. Os ícones da barra de ferramentas são bastante similares aos do Google Drive.

2. Conjunto de Recursos e Flexibilidade

Quando você cria uma nova página para o seu site, você pode escolher entre vários tipos de páginas diferentes, dependendo de qual tipo de conteúdo você está pretendendo adicionar à página. Especificamente, você pode criar os seguintes tipos de página:

  • Página da web. Você pode organizar este tipo de página como você quiser: escrever uma cópia, embutir gadgets, anexar documentos, e também permitir que outros colaboradores comentem nas suas páginas.
  • Anúncios. Este tipo de página é projetado para postar notícias. Muito parecido com um blog, ele exibe postagens que você acrescenta em ordem cronológica.
  • Armário de arquivos. Este tipo de página permite que você armazene e gerencie arquivos, tornando fácil compartilhá-los com outros usuários do seu site. Os seus colaboradores podem se inscrever na sua página para serem notificados quando arquivos são adicionados, mudados ou removidos.
  • Página de lista. Itens acrescentados à lista são fáceis de adicionar, editar e remover. Similar à página de armário de arquivo, os usuários podem se inscrever para receber notificações.
  • Página inicial. Este tipo de página contém duas seções: uma que pode ser customizada para mostrar um conjunto personalizado de gadgets, e outra onde os usuários podem adicionar conteúdo que todos os visualizadores veem.

Uma vez que você tenha organizado as suas páginas, você pode começar a modificá-las e fazer o upload do seu conteúdo de um modo visual. O construtor oferece um conjunto bem estruturado de recursos. O botão ‘Inserir’ contém 3 seções (Comum, Gadgets, e Google), cada um escondendo mais escolhas: caixa HTML, Gráfico, Calendário, Postagens recentes, Drive, Hangout, Mapa, Youtube etc. Tome cuidado, no entanto, nem todos os gadgets de terceiros funcionam como planejado: nós acrescentamos um gadget Clique para Ligar no nosso site de teste, e ele não funcionou. Parece que eles pararam de curar a biblioteca de Gadgets há alguns anos atrás.

Com o Google Sites você pode adicionar múltiplos colaboradores e se inscrever para mudanças no site. Uma boa notícia para aqueles que querer entrar embaixo do capô – o construtor permite que os usuários editem alguns dos códigos HTML. O editor avançado vem equipado com um útil botão de Prévia.

Quando seu site estiver pronto, você pode publicá-lo no seu próprio domínio. Por padrão, todo website do Google Sites é público na web. Se necessário, você pode mudar as configurações de acesso e tornar o seu site visível para pessoas específicas apenas ou qualquer um com o link, similar ao Google Drive.

3. Designs

A escolha de tema tem sido significantemente melhorada desde a nossa última resenha, mas ela ainda é medíocre. Falando sobre designs, é importante notar que o Google Sites faz uma distinção entre temas e modelos. Temas governam o visual e o jeito, cores e imagens gerais do site, enquanto modelos trata-se do layout e dos tipos de página. Então quando você clica no botão de Mudar modelo da página você está na verdade prestes a mudar o tipo de página (descrito anteriormente), não o tema base. Para mudar o tema base, vá para a seção Temas, Cores e Fontes.

Gogle Sites Designs

Com o Google Sites você tem bem menos opções de customização do que com o Wix ou o Weebly. Você pode escolher entre nove layouts de 1-, 2- e 3-colunas, habilitar/desabilitar o rodapé customizado, acrescentar barras laterais e também mudar as fontes, cores e fundos.

Visualização Móvel. A visualização otimizada não é fornecida automaticamente. Você tem que habilitá-la manualmente no painel de controle. Do contrário, os visitantes do seu site verão a versão normal de desktop do seu site em suas telas pequenininhas.

Veja também: Exemplos de Sites Feitos no Google Sites

4. Suporte ao Cliente

O Google Sites oferece uma seção de Ajuda embutida onde você pode rapidamente encontrar um tutorial sobre como editar o seu site. Há também um enorme Centro de Ajuda que consiste de detalhados artigos guias. Você também pode enviar feedback e incluir automaticamente uma captura de tela da sua página atual. As configurações de captura de tela permitem que você destaque áreas da página relevantes para o seu feedback e também ocultar qualquer informação pessoal.

5. Política de Preço

O Google sites é um aplicativo gratuito que vem como parte do conjunto de produção Google. Se você for usuário gratuito do Google, o armazenamento do seu site é limitado. Para aumentá-lo, você precisa escolher entre os planos padrão e ilimitado do Google Apps: $5/mês por usuário e $10/mês por usuário, respectivamente. O plano padrão é descontado para $50/ano se você escolher pagar anualmente.

Quando seu site estiver pronto, você pode conectar um nome de domínio comprado anteriormente ou comprar um novo através do Google. Parceiros Google com múltiplos domínios nomeiam fornecedores para ajudar você com o processo e a configurar o Google Apps para o seu novo domínio.

6. Desvantagens

Sem uso aberto de CSS, uso limitado de HTML, capacidades limitadas de e-Store e blog. Designs obsoletos.

Conclusão

O Google Sites é uma ótima opção para criar intranets já que ele torna fácil adicionar conteúdo de outras propriedades Google como Mapas, Drive ou Youtube. Ele é gratuito, então você pode usá-lo para planejar reuniões, compartilhar informação, estabelecer colaboração num projeto de equipe ou ficar conectado com os membros da sua família. Entretanto, nós não podemos recomendá-lo para negócios, quando há tantas alternativas mais ricas em recursos lá fora.

O Google Sites oferece excelentes soluções de colaboração e conexão com vários Aplicativos Google, mas seus concorrentes oferecem mais controle sobre o design do site e uma melhor interface.